A quinta edição da revista do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas) foi lançada durante a 94ª Plenária, realizada no dia 17 de fevereiro, no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), em Belo Horizonte. O objetivo da publicação é mostrar as principais ações do CBH Rio das Velhas, provocando uma reflexão nos leitores, e mostrar a importância e as belezas naturais da bacia.

94plenaria_cbh_tanto_ohana-1

A publicação tem como tema de capa a segurança hídrica que é a capacidade de assegurar o acesso sustentável à água de qualidade, em quantidades adequadas à manutenção dos meios de vida, do bem-estar humano e do desenvolvimento socioeconômico; garantir proteção contra a poluição hídrica e desastres relacionados à água; preservar os ecossistemas em um clima de paz e estabilidade política. A matéria da capa mostra que promover a segurança hídrica é contribuir com a manutenção da vida e deve ser o foco principal daqueles que realizam a gestão dos recursos hídricos, assim como de toda a sociedade.

A entrevista com o Promotor de Justiça, Mauro da Fonseca Ellovich, sobre o rompimento da barragem Fundão, no município de Mariana em novembro de 2015 é outro destaque da revista. Mauro fala sobre o maior desastre ambiental do Brasil e que se não houver uma reestruturação do licenciamento das barragens, das fiscalizações e da responsabilização das empresas envolvidas continuaremos a ter desastres como esse no Brasil.

A publicação também conta com uma matéria sobre a Unidade Terriitorial Estratégica (UTE) Rio Curimataí apresentando as belezas naturais dessa região que localiza-se no Médio Baixo Rio das Velhas e é composta pelos municípios Augusto de Lima, Buenópolis e Joaquim Felício. A matéria também mostra a Expedição Serra do Cabral que aconteceu no período de 30 de julho a 4 de agosto. A ação teve o objetivo de classificar as principais nascentes da bacia do Rio Curimataí na vertente do Rio das Velhas, diagnosticando o grau de preservação ou degradação. Além disso, foi uma forma de gerar informações que serão utilizadas para o planejamento e definição das ações pontuais e difusas, cabíveis a cada situação encontrada.

Outro importante destaque da revista são os projetos do CBH Rio das Velhas de revitalização e recuperação das nascentes urbanas na Região Metropolitana de Belo Horizonte nas bacias dos ribeirões Onça e Arrudas. Sete nascentes serão revitalizadas e recuperadas pelo projeto do Ribeirão Arrudas e nove pelo projeto do Ribeirão Onça.

Boa leitura!

 

Leia a versão digital da Revista do CBH Rio das Velhas

 

Capa

Capa Revista 05

Mais informações e fotos em alta resolução:
Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br