A Câmara Técnica Institucional e Legal (CTIL) do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas reuniu-se na tarde do dia 25 de novembro, na sede do Comitê, em Belo Horizonte, para debater as deliberações sobre a criação do Grupo Gestor de Vazão do Alto Rio das Velhas e sobre a criação do Subcomitê Águas do Gandarela.

O presidente do CBH Rio das Velhas, Marcus Vinícius Polignano, explicou a intenção de criação do Grupo Gestor de Vazão do Alto Rio das Velhas. “Este grupo vai gerenciar e controlar a vazão do Alto Rio das Velhas para manter o nível necessário de água. Existem algumas possibilidades de controlar a vazão do Alto Rio das Velhas e é este grupo que vai administrar essas ações”, esclarece.

A minuta da Deliberação Normativa que dispõe sobre a criação do Grupo Gestor de Vazão do Alto Rio das Velhas foi analisada e discutida pela CTIL e será aprovada na próxima Plenária do CBH Rio das Velhas.

“Para que as ações do Grupo Gestor de Vazão do Alto Rio funcione é fundamental manter o sistema de monitoramento das águas integrado”, afirma o membro da CTIL e diretor de Gestão das Águas e Apoio aos Comitês de Bacia do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (IGAM), Breno Esteves Lasmar.

Criação do Subcomitê Águas do Gandarela

Outro ponto discutido foi a apresentação e proposta de Deliberação sobre a criação do Subcomitê Águas do Gandarela que será votado para arpovação na Plenária do dia 16 de dezembro.

No dia 29 de outubro, a equipe de mobilização realizou a eleição de criação do Subcomitê Águas do Gandarela e a sua composição, na Câmara Municipal de Raposos.

Veja as fotos da reunião da CTIL

montagem_ctilMembros da CTIL reunidos na sede do CBH Rio das Velhas – Crédito Tanto Expresso

Mais informações e fotos em alta resolução:
Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br