Na próxima segunda-feira (21) será realizado o debate público Águas de Minas: Revitalização e Gestão dos Rios de Minas.O evento é uma parceria do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas), as Comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e Extraordinária das Águas da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG), o Fórum Mineiro de Comitês e o Projeto Manuelzão.

Realizado em comemoração ao Dia Mundial da Água, o evento objetiva dar continuidade às discussões iniciadas no Seminário Legislativo Águas de Minas III, com foco no fortalecimento dos Comitês de Bacia para a gestão dos recursos hídricos. O debate acontecerá a partir das 9 horas, no Plenário Juscelino Kubitschek, na ALMG, em Belo Horizonte.

Para o presidente do CBH Rio das Velhas, Marcus Vinícius Polignano, a gestão dos recursos hídricos ainda não foi solucionada. “Não podemos nos esquecer de que as chuvas amenizam a crise hídrica, mas não resolvem nossos problemas de gestão das águas, de maneira que o assunto precisa continuar em pauta”, destaca.

A programação do evento inclui a participação de representantes de seis bacias hidrográficas de Minas Gerais (Velhas, Doce, São Francisco, Jequitinhonha, Paraopeba e Mucuri), além dos membros das Comissões da ALMG, secretários de estado de Meio Ambiente e Planejamento e Gestão, entre outros.

Água como Direito Humano

Na oportunidade o CBH Rio das Velhas divulga a campanha “Água como Direito Humano” que propõe uma reflexão sobre água a partir da perspectiva da garantia de um serviço fundamental para uma mínima qualidade de vida.

Para assegurar a qualidade das águas para as populações humanas é fundamental garantir o saneamento para todos. Sem tratamento adequado para os esgotos domésticos, industriais e resíduos sólidos, os rios serão poluídos e degradados, inviabilizando o uso da água para consumo humano e para manter a integridade biótica. Por outro lado, é fundamental garantir os mananciais de águas existentes. Os cursos d’água refletem os modelos e o processo de ocupação territorial em sua bacia hidrográfica, de forma que a degradação da qualidade e impactos na quantidade de água se intensificaram a partir dos modernos usos humanos.

Polignano explica que a campanha vai nortear as ações do Comitê em 2016. “Esta campanha procura reforçar que o acesso a água de qualidade é um direito humano fundamental, e deve ser garantido a todos, além de manter todas as formas de vida”, afirma.

O presidente do CBH Rio das Velhas acrescenta ainda que a campanha é um mote para que os subcomitês trabalhem as questões da água como direito humano em seus territórios de atuação. Assim, será realizado um debate em toda a Bacia do Rio das Velhas.

Serviço

Dia Mundial da Água – Debate Público “Águas de Minas: Revitalização e Gestão dos Rios de Minas”

Segunda-feira, 21 de março de 2016, a partir de 9h.

Plenário Juscelino Kubitschek – ALMG

Rua Rodrigues Caldas, 30 – Santo Agostinho – Belo Horizonte – MG

Programação completa, clique aqui.

Contato para a Imprensa

Assessoria de Comunicação do CBH Rio das Velhas

comunicacao@cbhvelhas.org.br / 31 98892 1800