Loading...

A CAMPANHA

Rio das Velhas Eu Faço Parte

  • O que mais define a Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas é o engajamento de sua gente em torno da sua recuperação.
  • Aqui nasceram inúmeros movimentos sociais que lutaram pelo direito de se nadar, pescar e navegar no rio.
  • Aqui a gestão das águas ocorre de maneira descentralizada, democrática e plural.
  • Aqui, e talvez só aqui, Subcomitês cuidam das águas das sub-bacias.

Com o objetivo de destacar os principais fatores de pressão que têm impactado gravemente o Rio das Velhas em quantidade e qualidade de águas, mobilizar a sociedade e visibilizar a necessidade urgente de incorporar a revitalização do Rio das Velhas na agenda político-institucional mineira, o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas) lança a sua mais nova campanha institucional de comunicação e mobilização social: Rio das Velhas Eu Faço Parte.

Em um ano eleitoral, em que se abre perspectivas de retorno seguro de ações presenciais e de mobilização social na Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas, o CBH Rio das Velhas se propõe a mobilizar a população do território – seja o meio político estadual e municipal, as companhias de saneamento, o setor produtivo em geral e a sociedade civil – em torno da necessidade urgente de revitalização do rio.

As obrigações em torno da recuperação do Rio das Velhas – um manancial de importância histórica para a Grande BH e fundamental no abastecimento da população – devem novamente encampar políticas públicas.

Desafios do presente e do futuro

A busca por um Rio das Velhas mais saudável, para se nadar, pescar e navegar, já se tornou política pública.

Hoje temos águas melhores do que há 20 anos, mas não devemos esquecer da nossa meta principal.

É hora de a revitalização do Rio das Velhas – e todos seus afluentes – retornar à agenda política do nosso Estado!

A busca por um Rio das Velhas mais saudável, para se nadar, pescar e navegar, já se tornou política pública.

Hoje temos águas melhores do que há 20 anos, mas não devemos esquecer da nossa meta principal.

É hora de a revitalização do Rio das Velhas – e todos seus afluentes – retornar à agenda política do nosso Estado!

16 municípios de um total de 51 na Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas não possuem coleta e nem tratamento de esgoto.

O lixão é a destinação final de resíduos sólidos que predomina na Bacia: ocorre em 14 municípios (33% do total).

Essa situação degradante tem que mudar!

Duas barragens de rejeitos inseridas no Alto Rio das Velhas – de onde vem a água que abastece 50% da Região Metropolitana de Belo Horizonte – se encontram no nível máximo de risco iminente. Qualquer eventual rompimento ali pode levar a Grande BH a um caos hídrico.

Exigimos políticas de segurança e monitoramento contínuos a todas as estruturas de mineração inseridas na Bacia do Rio das Velhas e no estado!

Velhas na Agenda Política



A busca por um Rio das Velhas mais saudável, para se nadar, pescar e navegar, já se tornou política pública.

No ano de 2003, o Projeto Manuelzão propôs o compromisso de revitalizar a Bacia do Rio das Velhas até o ano de 2010. Em 2005, a proposta passa a fazer parte da carteira de projetos do governo de estado de Minas Gerais, surgindo assim a Meta 2010 e, posteriormente, a Meta 2014: navegar, pescar e nadar no Rio das Velhas na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O objetivo era despoluir a região mais degradada da bacia, que vai da foz do Rio Itabirito até o encontro com o Ribeirão Jequitibá. A Meta, respaldada pelo Plano Diretor do CBH Rio das Velhas, aprovado em 2004, definiu estratégias, ações de saneamento e a recuperação ambiental, visando alcançar a melhoria das águas e a volta dos peixes ao rio.

Com as Metas 2010 e 2014 os resultados foram significativos, principalmente na região do Baixo e do Médio Rio das Velhas. Essas áreas, beneficiadas pelas intervenções na Região Metropolitana de Belo Horizonte, apresentaram melhorias significativas na qualidade das suas águas.

Infelizmente, os avanços não foram suficientes para que o objetivo de nadar nas águas do Rio das Velhas na Grande BH fosse concretizado, em função do alto índice de coliformes fecais na região. Apesar desse ponto negativo do balanço, foram positivos os avanços na política de saneamento básico na bacia, o que tem possibilitado a volta dos peixes ao rio e a diminuição na ocorrência de mortandades.

Hoje temos águas melhores do que há 20 anos, mas não devemos esquecer da nossa meta principal. É hora de a revitalização do Rio das Velhas – e todos seus afluentes – retornar à agenda política do nosso Estado!

O Dourado

O espelho d’água de um rio reflete a sociedade ao qual interage. Por isso, nessa luta pelo Rio das Velhas, o peixe é considerado um indicador de saúde coletiva ambiental da bacia hidrográfica.

Nesse contexto, a Campanha Velhas Eu Faço Parte visa também valorizar o Dourado (Salminus franciscanus), eleito o símbolo da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas pelo Comitê. A espécie nativa da bacia indica a boa qualidade da água e é reconhecida pela população com peixe nobre, lutador e bravio.

Após a inserção do Dourado na logomarca do CBH em 2020, em substituição ao então peixe genérico presente, e da criação do Almanaque Jogos Ambientais em 2021, esse ano o Dourado ganhará ainda mais protagonismo.

A ideia é que este símbolo se torne de fato um personagem da Bacia Hidrográfica, cujo nome deverá ser escolhido em votação pública nas redes sociais.

NOTÍCIAS E PODCASTS

Momento Rio das Velhas 41: Pela segurança hídrica na bacia!

23/06/2022 11:25

“Acesso sustentável à água de qualidade, em quantidade adequada à manutenção dos meios de vida, do bem-estar humano e do desenvolvimento [...]

LEIA

Comitê abre votação para escolha do nome do Dourado, símbolo da bacia do Rio das Velhas

01/06/2022 20:30

Você sabia que o peixe Dourado (Salminus franciscanus) é o símbolo da bacia hidrográfica do Rio das Velhas? A espécie nativa é indicadora de boa [...]

LEIA

A (in)segurança hídrica na ordem do dia

25/05/2022 17:25

“Acesso sustentável à água de qualidade, em quantidade adequada à manutenção dos meios de vida, do bem-estar humano e do desenvolvimento [...]

LEIA

Barragens montam cenário explosivo em Minas

13/05/2022 11:15

A campanha anual de comunicação do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas), lançada em março, tem como um de seus [...]

LEIA

Confira o novo site da campanha Rio das Velhas Eu Faço Parte!

27/04/2022 13:55

Em março deste ano, em meio às comemorações em torno do Dia Mundial da Água, o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das [...]

LEIA

Saneamento na bacia do Rio das Velhas corre contra o tempo

25/04/2022 13:45

Em maio de 2019, há praticamente três anos, matéria publicada aqui no site mostrava, com dados de 2018 do Sistema Nacional de Informação Sobre [...]

LEIA

PARTICIPE

Poste fotos ou vídeos no Instagram e Facebook, use a hashtag #velhasfaçoparte e vamos mostrar todo o nosso comprometimento e engajamento pelo Rio das Velhas – e todos os seus afluentes.

PARCERIAS INSTITUCIONAIS

Sua instituição se compromete com a defesa do Rio das Velhas? Venha fazer parte dessa rede pela vida na bacia hidrográfica!

 

Participe da campanha!

Faça download, divulgue, compartilhe em suas redes.

Sua instituição se compromete com a defesa do Rio das Velhas? Venha fazer parte dessa rede pela vida na bacia hidrográfica!

Através do site, faça o DOWNLOAD das peças gráficas, arquivos para redes sociais, áudios e vídeos da Campanha.

Caso seja Pessoa Jurídica (Instituições, Prefeituras, ONGs, Empresas Privadas, etc), assine o Termo de Adesão Espontânea e envie para comunicacao@cbhvelhas.org.br.