Programa-se para visitar no feriado de 8 de dezembro o Parque Municipal Cachoeira das Andorinhas. Localizado a 102 km de Belo Horizonte é uma ótima opção de passeio para famílias, casais ou aqueles que buscam um momento de encontro com a natureza. No lugar, aproveite os banhos de cachoeira, trilhas e lazer em toda sua área verde.

O Parque Natural Municipal das Andorinhas, localizado em Ouro Preto, tem uma área de 557 hectares e abriga a nascente principal do Rio das Velhas. O Parque possui 6,27 km e compõe parte da porção sul do maciço meridional do Espinhaço. Além disso, está inserido entre os dois biomas mais ameaçados no Brasil: Mata Atlântica e Cerrado.

A formação geológica do local é um importante divisor de águas de Bacias Hidrográficas Federais, já que em seu território encontra-se nascentes do Rio das Velhas, contribuinte da Bacia do Rio São Francisco e nascentes do Rio Piranga, contribuinte da Bacia do Rio Doce. Assim, a proteção deste manancial é de enorme importância por se tratar de áreas de nascentes, cabeceiras e de recarga hídrica de bacias.

O Parque está inserido na Unidade Territorial Estratégica Nascentes que localiza-se no Alto Rio das Velhas e a região possui a atuação do Subcomitê da Bacia Hidrográfica Nascentes, criado em 22 de agosto de 2014.

Veja as fotos da Cachoeira das Andorinhas:

<a href="https://flic.kr/s/aHskPYVaUS" target="_blank">Click to View</a>

Plano de Manejo Parque das Andorinhas

Atualmente, há a execução do projeto Plano de Manejo no território do Parque Municipal Cachoeira das Andorinhas.O Plano de Manejo propõe mecanismos de integração com base na criação de um mosaico das Unidades de Conservação, contidas na Área de Proteção Ambiental (APA) das Andorinhas e a sua integração com outros que contemplem demais unidades da região. Dessa forma, será construída uma política de conservação comum, potencializando as ações administrativas, fortalecendo o envolvimento da sociedade, com foco na preservação da biodiversidade e sustentabilidade regional.

O plano é um documento técnico fundamentado nos objetivos gerais de uma Unidade de Conservação. Estabelece o zoneamento e as normas que devem presidir o uso da área e o manejo dos recursos naturais, inclusive a implantação das estruturas físicas necessárias à gestão da unidade.

A empresa contratada, por meio de licitação, para a execução deste projeto foi a Myr Projetos Sustentáveis. O projeto terá o custo de R$ 512.329,60 e será executado em 14 meses.


Mais informações e fotos em alta resolução:

Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br