O Grupo Gestor de Vazão do Alto Rio das Velhas do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas) reuniu-se no dia 14 de março, em Belo Horizonte, para analisar o modelo hidrológico integrado dos reservatórios, sistematizando suas vazões defluentes. O objetivo da modelagem é estabelecer a contribuição de cada reservatório, em caso de criticidade da vazão do Rio das Velhas.

O CBH Rio das Velhas contratou consultores especializados para realizarem a modelagem hidrológica integrada nos reservatórios localizados na região do Alto Rio das Velhas, em especial no complexo de reservatórios Rio de Peixe, de propriedade da mineradora AngloGold Ashanti, e na Pequena Central Hidroelétrica Rio de Pedras, sob a responsabilidade da CEMIG.

Para desenvolver a modelagem foram observadas a vazão em Honório Bicalho, Rio Itabirito, PCH Rio de Pedras e PCH Rio Itabirito. De acordo com os consultores, a PCH Rio de Pedras é o reservatório que possui maior flexibilização em sua operação.

Outro ponto discutido na pauta da reunião foi o status da assinatura da carta de intenções entre o CBH Rio das Velhas e as empresas envolvidas na gestão integrada dos reservatórios do Alto Rio das Velhas. Foi definido que a carta será assinada entre o presidente do CBH Rio das Velhas e os conselheiros do Comitê representantes das empresas.

Veja fotos da reunião

collagem grupo gestor

Mais informações e fotos em alta resolução:
Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br