A Unidade Territorial Estratégica (UTE) Rio Paraúna localiza-se no Médio Baixo Rio das Velhas e é composta pelos municípios de Conceição do Mato Dentro, Congonhas do Norte, Datas, Gouveia, Monjolos, Presidente Juscelino, Presidente Kubitschek, Santana de Pirapama e Santo Hipólito. A Unidade ocupa uma área de 2.337,61km² e detém uma população de 22.908 habitantes. O rio principal da UTE é o Paraúna, que com seus 150,23 quilômetros de extensão, é considerado um dos mais importantes para a revitalização do Rio das Velhas.

Assista ao vídeo

.
A UTE Rio Paraúna possui duas Unidades de Conservação inseridas em seu território, ocupando 14,97% da área total da UTE. Quanto à prioridade, 90% da área da UTE é considerada prioritária para conservação.

Quanto à susceptibilidade erosiva, a UTE apresenta 41,21% de seu território com forte fragilidade à erosão e 38,44% com média fragilidade. As características naturais do terreno, a compactação do solo e a ocupação desordenada aceleram os processos erosivos.

Dos municípios com sede na UTE, somente Congonhas do Norte e Presidente Juscelino possuem Plano Municipal de Saneamento Básico.

Na UTE Rio Paraúna há captação de água para abastecimento de 100% dos municípios de Datas, Gouveia, Presidente Juscelino e Presidente Kubitschek, além de 71% de Congonhas do Norte. O consumo per capita da UTE Rio Paraúna (119,02 L/hab.dia) é inferior ao da Bacia do Rio das Velhas (136,23 L/hab.dia) e os municípios com sede na UTE possuem tratamento de água convencional.

No que se refere aos efluentes, a UTE Rio Paraúna não dispõe de tratamento de efluentes e lançam seus dejetos in natura nos corpos receptores.

Quanto aos resíduos sólidos, com exceção do município de Presidente Kubitschek, que possui Usina de Triagem e Compostagem, os têm como destinação final o aterro controlado. Em Gouveia há coleta diferenciada de resíduos de saúde.

A área de abrangência da UTE Rio Paraúna compreende quatro estações de amostragem de qualidade das águas, localizadas no Córrego do Chiqueiro e no Rio Paraúna. As águas nessas estações são enquadradas na Classe 1.

Leia a versão digital da cartilha

Veja as fotos da região

Subcomitê Rio Paraúna

O Subcomitê Rio Paraúna foi instituído em 25 de agosto de 2008, composto pelos municípios de Baldim, Congonhas do Norte, Jaboticatubas, Presidente Juscelino, Santana de Pirapama e Santana do Riacho.

Composição do Subcomitê Rio Paraúna

Poder Público

Titulares

1 EMATER Gouveia Adriano Gomes
2 SARP Cristiane Shirley de Oliveira
3 Prefeitura Conceição do Mato Dentro Igor Ferreira
4 Prefeitura de Congonhas do Norte Cloves de Oliveira

Suplentes

1 Prefeitura de Gouveia Josiane C. da Silva
2 Prefeitura Municipal de Santo Hipólito Eimar Fonseca
3 Prefeitura de Datas Haroldo José de Oliveira
4 Câmara Municipal de Gouveia Rodrigo Miranda

 

Usuário de Água

Titulares

1 Estamparia S. A Marcos Antônio da Silva*
2 COPASA – Gouveia Amauri Ribas
3 Agrocity Carlos Eduardo de Souza
4 Em aberto Em aberto

Suplentes

1 CEMIG  Renato Júnior Constâncio
2 COPASA – Diamantina Júlio César Correa
3 TRACOMAL Júnior Cesar Andrade
4 Em aberto Em aberto

 

Sociedade civil

Titulares

1 Comunidade Quilombola do Espinho Adeliane Margarida Silva
2 Instituto Espinhaço Felipe Xavier
3 ONG Caminhos da Serra Claudiana A. Oliveira Pereira
4 ONG ASPRENARSA Renato Wagner Ferreira

Suplentes

1 Associação Amigos Solidários Adalto Aparecido de Almeida
2 Instituto Espinhaço Felipe Simões
3 ONG Caminhos da Serra Patrícia de Fátima Souza Costa
4 Em aberto Em aberto

*coordenador – geral do Subcomitê

Conheça a Unidade Territorial Estratégica (UTE) Rio Paraúna:

SCBH_Rio-Paraúna_1500px