No sábado (14), aconteceu no Conjunto Ribeiro de Abreu um mutirão em prol da nascente fundamental.

O evento contou com a participação da comunidade local e de pessoas envolvidas na questão da revitalização e preservação do Ribeirão do Onça. O objetivo do encontro foi o de realizar o manejo na área da nascente, plantar mudas e trabalhar formas de controle de pragas e doenças. Além disso, realizaram uma roda de conversa e piquenique coletivo.

Veja as fotos do evento:


(Crédito:COMUPRA)

O Parque do Onça

A área que integra a “Nascente Fundamental do Onça”, faz parte do projeto de construção do Parque do Onça, o qual será um dos maiores da capital mineira. Segundo informações dadas pela Secretaria de Planejamento Urbano em oficinas com a comunidade, o Parque terá a extensão de aproximadamente 5 km e seu percurso passará por trechos dos bairros São Gabriel, Vila São Gabriel, Ouro Minas, Vila Fazendinha, Novo Aarão Reis, Belmonte, Ribeiro de Abreu, Conjunto CBTU (Novo Tupi), Conjunto Ribeiro de Abreu, Casas Populares (Ribeiro de Abreu) e Monte Azul.

O parque terá a função de promover a melhoria ambiental e da qualidade de vida da população, ao converter as áreas situadas às margens do Ribeirão do Onça em espaços públicos voltados ao lazer, prática de esportes e educação ambiental. Também irá proteger áreas críticas vulneráveis às inundações do Ribeirão e recuperar a mata ciliar com o plantio de árvores.
É importante ressaltar que, o Parque é uma reivindicação que representa as várias conquistas sociais da comunidade local. As reivindicações são pautadas pelo movimento “Deixem o Onça Beber Água Limpa” e são elas: relocalização das famílias que estão em áreas de risco, interceptação de 100% dos esgotos da região, construção do novo acesso ao Ribeiro de Abreu e municipalização da rodovia MG-20.

Veja outras notícias sobre o tema

Resultado do Prêmio Bom Exemplo

O Parque do Onça e movimento “Deixem o Onça Beber Água Limpa” foram temas da reunião

Dona Júlia, cuidadora de nascente do Ribeirão Onça é finalista do Prêmio Bom Exemplo

Nascente é recuperada por meio de mobilização social na bacia do Ribeirão Onça


Mais informações e fotos em alta resolução:

Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br