Com o objetivo de conhecer a realidade e necessidades do Ribeirão Arrudas e de realizar o registro delas, integrantes do Subcomitê Arrudas e representantes da empresa NeoGeo Engenharia realizaram uma visita de campo no dia 15 de junho foz à nascente do Ribeirão Arrudas.

“A intenção é ver a real situação do Ribeirão Arrudas. Queremos saber se a qualidade das águas melhoraram”, afirma Cecília Rute, coordenadora do Subcomitê do Ribeirão Arrudas.

O Arrudas é um ribeirão que nasce no município de Contagem, desce por parte de Belo Horizonte até desaguar no Rio das Velhas no município de Sabará, onde a visita de campo teve início. O Ribeirão Arrudas é formado por vários córregos que nele desembocam ao longo do seu curso. São eles: Jatobá, Barreiro, Bonsucesso, Cercadinho, Piteiras, Leitão, Acaba Mundo, Serra, Taquaril, Navio-baleia, Santa Terezinha, Ferrugem, Tijuco e Pastinho.

Foi possível constatar que apesar de a maioria das nascentes que formam esse importante tributário do Rio das Velhas ainda serem limpas, quase todo o esgoto produzido em Contagem e em Belo Horizonte é despejado sem tratamento no Arrudas, o que compromete também as Bacias do Rio das Velhas.

Também foi possível constatar que a ocupação desordenada de Contagem e de Belo Horizonte e mais tarde a construção de avenidas para descongestionar o trânsito de Belo Horizonte suprimiram o verde que havia nas margens do Arrudas, contribuindo para o aumento da temperatura na capital. Além disso, o concretamento de seu leito somado à impermeabilização crescente do solo da cidade tem causado, nos últimos anos, enchentes cada vez mais destrutivas ao longo das bacias do Arrudas e do Rio das Velhas. A construção recente de bulevares, como tentativa de resolver os problemas de trânsito de Belo Horizonte, cobriu completamente o ribeirão, alterando significativamente a paisagem da cidade.

Conheça a Bacia do Ribeirão Arrudas

 

SCBH_Ribeirão Arrudas_1500px

Confira as fotos da visita de campo

 

Mais informações e fotos em alta resolução:
Assessoria de Comunicação CBH Rio das Velhas
comunicacao@cbhvelhas.org.br